Ato contra a reforma da Previdência reúne centrais sindicais, servidores públicos e estudantes em Petrolina, PE

Uma manifestação contra a reforma da Previdência foi realizada na manhã desta segunda-feira (19) em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Centrais sindicais, servidores públicos e estudantes se concentraram na Praça do Bambuzinho, no Centro da cidade. Em todo o Brasil, também houve protestos e paralisações.
De acordo com a organização do movimento, cerca de 300 pessoas participaram da manifestação em Petrolina. A Polícia Militar (PM) não contabilizou o número de pessoas.
Reforma
A reforma da Previdência, prevista para ser votada esta semana na Câmara, prevê mudanças na legislação previdenciária brasileira. Entre as principais alterações, estão a nova idade mínima de aposentadoria que, com a nova regra, passa a ser de 62 anos (no caso das mulheres) e de 65 anos (no caso dos homens); e o tempo mínimo de contribuição do servidor público, que passa a ser de 25 anos de trabalho para ter direito ao benefício da aposentadoria. (Por G1 Petrolina)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar