Cidade do Agreste de PE decreta situação de emergência após fortes chuvas

A água invadiu casas e algumas ruas ficaram totalmente alagadas

A cidade de Sanharó, no Agreste de Pernambuco, decretou situação de emergência após as chuvas dessa sexta-feira (15). Segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), choveu três vezes mais do que o esperado para o mês de fevereiro.

A chuva começou no fim da tarde e se estendeu durante a noite. A água invadiu casas e algumas ruas ficaram totalmente alagadas. O volume do Rio Ipojuca, que corta a cidade, também aumentou e chamou a atenção da população. A água também invadiu o prédio da Câmara de Vereadores e uma escola. Os bairros próximos ao Centro foram os mais atingidos.

A prefeitura tmbém informou que instalou um comitê de crise e acionou o governo do estado. Ainda de acordo com a Apac, a cidade de Sanharó possui duas estações de medição de chuva. Em 24 horas, uma registrou 141,21 milímetros e a outra 134 milímetros. Outros municípios do Agreste também registraram fortes chuvas.

Dados da Apac sobre as chuvas nas cidades do Agreste:

Brejinho: 62,92 milímetros
Itapetim: 59,07 milímetros
Afogados da Ingazeira: 22,66 milímetros
São José do Belmonte: 19,89 milímetros
Lajedo: 19,60 milímetros
Floresta: 19,31 milímetros
Poção: 18,40 milímetros
Iguaraci: 17,77 milímetros

Do G1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar