Guarda Civil prende homem que desrespeitou medida protetiva em Petrolina

Poucas horas após a comemoração do Dia Internacional da Mulher, um homem foi preso pela Guarda Civil de Petrolina acusado de ameaçar a segurança da ex-companheira. O caso foi registrado neste final de semana na Rua Rio Paraguai, no Bairro José e Maria.

Joaquim José da Silva, de 53 anos, não aceitava o fim do relacionamento e tentou entrar na casa da vítima à força. Através da Central de Operações, pelo telefone 153, a Guarda foi acionada para intervir na situação.

Duas viaturas da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) conduziram Joaquim para à Delegacia da 213ª Circunscrição da Polícia Civil, no bairro Ouro Preto. Ele foi apresentado à autoridade de plantão, para tomada das medidas legais cabíveis diante do descumprimento da medida protetiva, prevista na Lei Maria da Penha.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar