Novas Unidades Básicas de Saúde vão potencializar atendimentos médicos em Petrolina

Quem depende do serviço público de saúde em Petrolina está mais perto de ter importantes equipamentos à disposição. Uma parceria entre o Governo Federal e a Prefeitura Municipal resultou no início das obras de duas novas Unidade Básica de Saúde (UBS), nos bairros Terras do Sul e São José, além da ampliação e modernização da UBS Dra. Sinhá, no Alto da Boa Vista. Um investimento total de R$ 1.946.009,37.

A UBS Mandacaru será a maior das novas unidades, seguindo o Padrão II do Sistema Único de Saúde (SUS). Entre os novos espaços, destaque para as salas de vacina, observação e inalação coletiva, consultório odontológico, sala estéril para a guarda de material esterilizado, banheiros masculino, feminino e adaptado para pessoa com deficiência, além de depósito para resíduos hospitalares. O investimento será de R$ 912.806,79, fruto de emenda do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE). A construção do prédio, localizado no bairro Terras do Sul, deve ser concluída dentro de 10 meses, beneficiando cerca de 630 famílias do Mandacaru e Park Mandacaru, na zona norte da cidade.

A UBS São José será do Padrão I do SUS. Dessa forma, terá capacidade para atender mais de 2.500 famílias dos bairros São José, Vila dos Ingás I e II, Vila dos Imbiras I e Orla, na região central de Petrolina. O prazo da obra, que vai custar R$ 713.795,26, fruto de emenda do Deputado Federal Adalberto Cavalcanti (Avante-PE), é de nove meses. Os principais serviços que vão ser oferecidos são consultas médicas, inalações, injeções, curativos, vacinas, tratamento odontológico e encaminhamentos para especialidades.

Esses atendimentos e serviços também vão estar disponíveis na nova UBS Dra. Sinhá, no Alto da Boa Vista. Diferentemente das outras, essa não será construída, mas ampliada e modernizada com um investimento de R$ 319.407,32, recurso viabilizado através de emenda do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE). Daqui a seis meses deve estar pronta e com capacidade de atender cerca de 3 mil famílias dos bairros São Gonçalo, Jardim Imperial, Portal da Cidade, Vila Chocolate, Vila Dilma e Loteamento Assenco, na zona oeste da cidade.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar