Incêndio criminoso destrói 7,14 hectares de cana-de-açúcar da Agrovale; Polícia civil investiga o caso

Um incêndio de grandes proporções devastou 7,14 hectares de cana-de-açúcar da Agrovale, em Juazeiro (BA), na noite do último sábado (19). Segundo informações da empresa, a área atingida pelo fogo fica no lote 12 do Campo São Carlos, uma das partes do canavial mais próximas das cidades de Juazeiro e Petrolina (PE).

“A direção da empresa tomou uma série de providências logo que detectou o sinistro e após o registro de um Boletim de Ocorrência (BO), junto à delegacia de Polícia Civil, em Juazeiro, informou o ocorrido também aos órgãos ambientais de competência, INEMA e o IBAMA”, diz um trecho da nota da Agrovale divulgada há pouco.

De acordo com a empresa, o incêndio foi criminoso. A Agrovale lamenta os transtornos provocados e esclarece que na área atingida pelo fogo, não era realizada a queima da cana-de-açúcar.

“A Agrovale lamenta pelos transtornos causados à população em virtude da ação criminosa de terceiros e informa que o lote 12 do Campo São Carlos faz parte da área onde a empresa utiliza apenas o corte mecanizado que dispensa a queima da cana-de-açúcar. Informando ainda que está fazendo o levantamento dos prejuízos com o incêndio criminoso, a Agrovale comunica que além de cumprir todo o regramento jurídico/ambiental imposto pelos órgãos competentes vem realizando investimentos contínuos, visando a melhoria dos processos, com a adoção de medidas técnicas e de responsabilidade econômica, social e de sustentabilidade ambiental.”   

 

Fonte Blog do Waldiney Passsos 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar