Calendário de matrículas da rede municipal de ensino de Petrolina começa hoje (9)

O calendário de matrículas para o ano letivo de 2020 na Rede Municipal de Ensino de Petrolina já foi iniciado. A partir desta segunda-feira (9), pais e responsáveis pelos alunos novatos que desejam ingressar em uma unidade de Ensino Fundamental (1º ao 9º ano) devem realizar um cadastro no link disponibilizado pela Secretaria de Educação, Cultura e Esportes. A rede está preparada para receber mais de 12.600 novatos.

Segundo a assessoria, esse cadastro escolar é voltado para estudantes que estão fora da sala de aula ou que nunca estiveram matriculados na rede municipal, em nenhuma modalidade de ensino. Através do programa “Busca Ativa”, a gestão vai iniciar o levantamento dos alunos novatos a fim de assegurar todas as vagas necessárias no ano letivo de 2020. O cadastro vai acontecer entre os dias 9 e 20 de dezembro.

Este ano, a Prefeitura de Petrolina ampliou o número de novas salas de aula em unidades na sede e do interior do município. Até o momento, 19 novas salas já foram construídas em 9 unidades. Além da entrega de novos prédios escolares, a exemplo da Escola Municipal Ariano Suassuna e do CMEI Damásio dos Santos, em Porto de Palha.

Entre os dias 6 e 16 de janeiro de 2020, os pais ou responsáveis deverão comparecer com a documentação necessária até a escola indicada pela secretaria para a efetivação da matrícula dos alunos novatos. Para quem perder o prazo do cadastro escolar, a partir de 17 de janeiro, será possível fazer a matrícula diretamente nas unidades de ensino, de acordo com as vagas remanescentes.  As Escolas Municipais em Tempo Integral e as Unidades de Educação Infantil farão suas matrículas seguindo a metodologia dos anos anteriores.

Polos de matrícula

Na área rural, todas as escolas da rede municipal estarão disponíveis para orientação e realização do cadastro. Na sede estarão funcionando a Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes, no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho, e as Escolas Municipais Paulo Freire, no Bairro São Gonçalo; José Joaquim, no José e Maria; Nossa Senhora Rainha dos Anjos (CAIC), na Cohab Massangano; Eliete Araújo, na Vila Mocó; e Nicolau Boscardin, no Henrique Leite.

Alunos veteranos

A Secretaria de Educação garante vaga em continuidade a todos os alunos da rede, a exemplo dos estudantes que estão migrando do Nova Semente para um CMEI por já ter alcançado a idade máxima de permanência no programa (3 anos e 11 meses). O mesmo acontece com os alunos dos CMEIs que vão em 2020 para uma escola da rede. A renovação para esse grupo deverá ser confirmar pelos pais ou responsáveis até o dia 3 de janeiro (presencialmente). Mais de 45 mil estudantes já estão com suas vagas garantidas. Segundo dados do Inep, em 2016, a rede municipal tinha uma média 47 mil alunos. Em 2019, esse número saltou para mais de 53.400.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar