Operação tapa-buracos continua na zona rural e prefeitura reforça pedido para população no interior manter-se em quarentena

Mesmo em estado de emergência em saúde pública de Petrolina (PE) contra o novo coronavírus, a Operação Tapa-buracos segue o cronograma de recuperação de estradas vicinais do interior de Petrolina. Mais de 400 km já foram melhorados em Muquém, Lajedo, Federação, Mudubim, Angical, Atalho, Marí, Baixa do Meio, Rio Jardim, Piranha e em alguns desses povoados as frentes de serviço repassaram as máquinas devido às chuvas que têm caído na cidade e arredores.

As equipes da Secretaria de Governo e Agricultura (Segoa) estão concentradas, desde a semana passada, nas localidades de Grajaú, Aranzel, Sítio Alto na região de Caitiú e Bom Jardim; no riacho do Assentamento Nossa Senhora de Fátima (região do Bom Jardim), em estradas que ligam a Serra da Santa ao Mirador, Poço da Cruz e Sítio Barra Franca.

Por causa do Decreto Municipal divulgado na última quarta-feira (18) e atendendo à determinação da gestão municipal, a Segoa continuará cumprindo o planejamento de recuperação de estradas no interior, mas reforça o pedido de compreensão e colaboração às pessoas que moram na zona rural para que evitem vir até a zona urbana de Petrolina, cumprindo assim, com as recomendações que visam evitar ou retardar a propagação do novo coronavírus. Tão logo o cenário atual volte à normalidade, as estradas já estarão em plenas condições de serem trafegadas, promovendo maior mobilidade e segurança para todos que as utilizam.

O atendimento na Secretaria de Governo na sede da prefeitura, e na Secretaria de Agricultura na Rua das Laranjeiras, no Centro, está sendo realizado em formato home office, ou seja, os servidores executarão suas atividades em casa, mediante demandas recebidas, das 8h às 17h, pelo periodo de 18 a 31 de março. A Segoa informa ainda que para os serviços de entrega de currículos, ofícios, demandas internas e solicitações administrativas deverão ser realizados pelo endereço de e-mail segoapmp@gmail.com.

Outras informações através dos números de telefone: (87) 98812-8117 ou ainda (87) 98863-6424.

 

Fonte: Blog do Carlos Britto

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar