Urgente: criança de Curaçá morre com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG)

Uma menina de apenas três anos de idade morreu nesta segunda-feira (30) em um hospital de Salvador, com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Segundo informações da Secretaria de Saúde de Curaçá (BA), cidade onde a vítima morava com a família, a pequena Alice teria sido atendida em um hospital de Juazeiro com sinais de pneumonia e em seguida foi transferida para Salvador com problemas respiratórios.

Com cerca de uma semana de internação, a menina não resistiu e veio a óbito. De acordo com a Diretora de Atenção Básica à Saúde de Curaçá, Franciely Alves Nascimento, foi feita a coleta de sangue da criança e a mesma foi encaminhada a um laboratório onde serão feitos exames para saber se a causa da morte foi mesmo pneumonia, o novo coronavírus ou a gripe H1N1, já que os sintomas são bastante parecidos.

Ainda segundo Franciely Alves, o município de Curaçá tem 3 casos notificados para a Covid-19, sendo que 1 caso já foi descartado e outros 2 estão sendo investigados. Para a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) foram notificados 2 casos até agora e os dois estão em investigação.

O caso de Alice não foi notificado em Curaçá porque a menina teria sido atendida inicialmente em Juazeiro, mas a Secretaria de Saúde está considerando como um óbito do município de Curaçá por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Blog Waldiney Passos

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar