Devolver o sentido: Petrolina mantém programação de aniversário com entrega de aparelhos auditivos

Com atenção e comprometimento, a Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Saúde, tem investido na assistência e serviços ofertados à população. Nessa quinta-feira (28), dentro das programações de aniversário da cidade, foram entregues no Centro Auditivo 100 aparelhos.

Os equipamentos não significam apenas um detalhe, reflete transformação e devolução do sentido de vida para crianças, jovens e adultos.

O Centro Auditivo atende mais de 10 mil pessoas de Petrolina e de outros 30 municípios da região. No município, a unidade também foi responsável por entregar mais de 930 aparelhos só em 2023.

Cristiane Mayane Pereira é mãe do João Lucas, de 8 anos, que recebeu o aparelho auditivo. A recepcionista relata como descobriu a perda auditiva do filho. “Foi ainda pequeno, através do teste da orelhinha, que nos foi comunicado a perda auditiva de João. Eu morava em São Paulo e decidimos voltar para Petrolina, aqui conheci do Centro Auditivo, para onde fomos encaminhados e fizemos todos os testes onde foi comprovada a necessidade do aparelho. Agora temos mais uma data para celebrar, hoje é um marco na vida do meu filho e na nossa também. Estamos recebendo o aparelho e ver o sorriso no rosto dele, não há como não se emocionar”, explicou.

Ao todo, 100 aparelhos foram entregues e no decorrer dos dias os pacientes retornam à unidade para adaptação, orientações de uso, período de revisão e informações de cuidado. O secretário de Saúde, João Luís Nogueira, descreve com satisfação a assistência prestada às pessoas. “A palavra do dia é acessibilidade. Aqui não estamos entregando apenas aparelhos, estamos devolvendo o sentido às pessoas. Poder ouvir, se comunicar melhor, entender e compreender o mundo através da audição é fundamental. Estamos satisfeitos com o trabalho, e assim como nos orienta o prefeito Simão Durando, vamos continuar construindo o futuro, olhando para as necessidades de cada pessoa e aprimorando as ações para atender cada vez melhor a quem precisa”, concluiu.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar